Chris Brown: Vítima de estupro alega que Chris Brown foi “brutal e violento” e revela mais detalhes sobre o ocorrido

117
Chris Brown

Foi divulgado nesta terça-feira (22) que Chris Brown teria estuprado um mulher. De acordo com novas informações da Closer Magazine, a vítima diz que o cantor foi “brutal e violento” e que o ocorrido durou cerca de 25 a 30 minutos.

A vítima ganhou um pseudônimo – Karima – uma modelo de 24 anos que contou à revista que conheceu Brown no hotel Mandarin Oriental em Paris em 15 de janeiro às 22:30 e depois foi a uma boate.

Karima contou para Closer que às 4 da manhã Brown e sua equipe queriam voltar para o hotel, e ela disse que estava cansada, mas eles a convenceram a voltar para o Mandarin com um grupo de pessoas.

Ela relata que uma vez dentro de sua suíte, ela foi ao banheiro e Brown a seguiu e a pegou pelo braço. “Ele me fez entrar em uma espécie de vestiário. Ele fechou a porta… Durou 25 – 30 minutos.”

A moça descreve o suposto estupro como “brutal e violento”. Ela diz que foi então “abusada” por um dos amigos de Brown e um guarda-costas.

Karima diz que foi à polícia dois dias depois, acrescentando que estava com medo, mas acabou decidindo que não queria que Brown “fosse capaz de fazer as mesmas coisas com outras garotas”.

Fontes ligadas a Brown diz que o cantor nunca esteve sozinho com a suposta vítima e diz que a namorada de Chris, Ammika Harris, estava no quarto do hotel o tempo todo. Ele diz que havia mais de 20 pessoas na sala “saindo” e ouvindo música que Brown estava tocando em seu iPhone.