Rapper americano, YNW Melly, poderá enfrentar pena de morte pelo assassinato de seus amigos

YNW Melly

YNW Melly estará enfrentando a pena de morte se for considerado culpado pelas duas acusações de assassinato em primeiro grau.

De acordo com documentos judiciais obtidos pela XXL na segunda-feira (22 de abril), o Estado da Flórida, que é um dos 30 estados onde a pena capital é legal, está buscando a pena de morte contra Melly porque eles acreditam que podem provar que o rapper matou seus amigos por “ganho financeiro”. O estado continua dizendo que “o assassinato foi especialmente hediondo, atroz ou cruel, e ele cometeu homicídio de maneira fria, calculada e premeditada”. Eles também acreditam que ele é membro de uma gangue, o que está contribuindo para a medida ser tomada.

Publicidade

Melly foi preso em fevereiro pelo assassinato em outubro de 2018 de seus amigos, YNW Juvy (Chris Thomas, 20) e YNW Sakchaser (Anthony Williams, 21). Policiais acreditam que o rapper atirou e matou os dois homens no banco de trás de um carro, em seguida, dirigiu por um longo período de tempo com os corpos até que ele pudesse desenvolver um álibi. A polícia alega que Melly contratou YNW Bortlen ( nascido Cortlen Henry) para levar os corpos para o hospital e dizer às autoridades que foram todas vítimas de um tiroteio.
No entanto, os policiais acreditam que as balas montadas ao lado do veículo foram colocadas lá por Melly e Bortlen. Os dois homens mantêm sua inocência e permanecem atrás das grades sem vínculo.

VEJA EM MAIS NOTÍCIAS: Turnê de Nick Minaj e Chris Brown pode passar pelo Brasil